fbpx

fabio

Respostas no Fórum

Visualizando 15 posts - 1 até 15 (de 700 do total)
  • Autor
    Posts
  • em resposta a: quiz – forma #16644
    fabio
    Mestre

    Sandro,

    Boa pergunta, esta é o ponto sobre o qual a questão enfoca. Em baixas velocidades, que navios mercantes ordinários operam, com Fn abaixo de Fn 0,1 a Resistência Viscosa (Rv) representa toda resistência ao avanço (Rt), pois ainda não há formação significativa de ondas.

    Neste caso Rt = Rv = Rfriccional + RForma

    em resposta a: Fator de forma – otimização na correlação modelo x navio #15506
    fabio
    Mestre

    Rafael,

    Depende da velocidade, ou do Froude Number. Como o comportamento, em função de Fn, da resistência pelas ondas é bem diferente do da resistência de forma, empregando esta solução de Hughes elimina-se uma parcela grande de imprecisão.

    No final do capítulo, nas seções finais, fala-se mais sobre este assunto, mas acho que o autor não estabelece uma relação de maior ou menor como voce está procurando.

    fabio
    Mestre

    Sergio,

    O livro está assim. Não é que ele se contradiz, mas ele coloca de maneira diferente a informação.

    Navios tanque tem Cb de aprox 0,85 quando carregados, o que tbem é maior que 0,7.
    Navios conteineros tem Cb de aprox 0,65, o que tbem é menor que 0,7 e 0,8.

    Se cair na prova, voce terá que analisar o contexto, de que parte do livro o examinador tirou a questão.

    em resposta a: Diffusor #13155
    fabio
    Mestre

    Sandro,

    Para saber a resposta voce teria que ter acesso ao artigo escrito pelo Hoekstra (1977), que não está disponível.
    Resta a nós deduzir o que se passa na cabeça do autor. Minha melhor interpretação seria:

    – Difusor: algo que foi usado no experimento para simular o efeito do propulsor girando no fluxo, produzindo o efeito de vortex (corrente de descarga típica de um propulsor marítimo)

    – bilge vortex: é o padrão da descarga do propulsor, em vortex, que impõe no fluxo uma aceleração axial e outra rotacional.

    em resposta a: Duvida questao Va e Wf #13080
    fabio
    Mestre

    Sandro,
    Va é velocidade de avanço, é em relação à agua.
    A frase está correta, mas acho que não entendi sua dúvida.

    em resposta a: Dúvida Questão PSCPP 2006 #13079
    fabio
    Mestre

    Danilo, feedback extraído do Quiz Provas Passadas:

    I) Geralmente, em navios mercantes, um trim adicional pela proa resulta, quando em baixas velocidades, em um aumento de resistência ao avanço, ocorrendo o oposto em velocidades normais ou de cruzeiro.

    In the average merchant-ship form, additional trim by the stern in the at-rest condition usually results in an increase in resistance at low speeds and a decrease at high speeds. pg 41

    II) Em baixas velocidades, o aumento de calado à ré faz a proa “parecer maior”, diminuindo a resistência viscosa em função da separação da camada limite. Em velocidades altas, ou de cruzeiro, esta resistência é compensada pelo aumento da resistência de ondas irradiadas pelo navio.

    At low speeds the increased draft aft makes the stern virtually fuller, with a consequent increase in form and separation resistance, whereas at high speeds this is more than offset by the reduction in wave-making due to the finer entrance in the trimmed condition. pgs 41-42

    III) Geralmente, navio com coeficiente prismático menor que 0,7, e que alcançam velocidades, cujo o número de Froude seja menor que 0,30, adquirem trim pela popa em baixas velocidades. Esse trim é invertido após o navio adquirir uma velocidade de cruzeiro ou normal.

    5.5 Trim Effects. Owing to the change in pressure distribution around a ship at different speeds, it will rise or sink bodily and also trim. At low speeds there is a general sinkage and a slight trim by the bow as compared with the at-rest condition (Fig. 41.) As speed increases the movement of the bow is reversed and at Fn = 0.30 or thereabouts the bow begins to rise appreciably, the stern sinks still further and the ship takes on a decided trim by the stern (Fig. 42). pg 41

    * O gabarito desta questão estava provavelmente errado, dando este item como verdadeiro, contradizendo o trecho do livro de onde foi extraída a questão. Corrigimos o gabarito de acordo com a nossa convicção.

    IV) A redução de resistência, devido a mudança de trim, que é praticada nos navios de grande deslocamento, é muito pequena e, com isso, a economia de combustível será desprezível para o trecho a ser navegado. Analise as considerações de Antonio e assinale a opção correta, de acordo com “Princípios de Arquitetura Naval”:

    The reductions of resistance which can be effected by such changes of trim as are practicable in large displacement craft are very small, but in highspeed planing craft the position of the center of gravity and the resultant still-water trim have a most important influence on performance. pg 41

    em resposta a: Variação de Rf com a temperatura #12892
    fabio
    Mestre

    Cf é coeficiente friccional, e a resposta a sua pergunta está no gráfico do slide 2.15. Veja neste gráfico que quanto maior Rn, menor será Cf.
    No slide anterior voce pode ver que quanto menor a viscosidade, maior será Rn.
    Portanto, quanto menor v -> maior será Rn -> menor será Cf -> logo menor será a Resistência Friccional.

    O que voce apontou na sua pergunta como uma fórmula, não é uma formula. É uma expressão matemática que significa apenas que Cf é uma função de Rn (Reynolds Number=V.L/v). Acho que foi isso que te confundiu. No mesmo gráfico voce pode ver as fórmulas de fato.

    abs,
    Fabio

    Attachments:
    You must be logged in to view attached files.
    em resposta a: ocorrencia de furacoes #12812
    fabio
    Mestre

    Sandro,

    Não são ondas do mar, elas não têm nada a ver com formação do furacão. São consequência e não causa do furação.

    Trata-se de circulação do ar (ventos de leste e ventos de oeste). Talvez a figura anexa te ajude a visualizar. As ondas de leste no Atlântico sopram da África em direção à América.

    Attachments:
    You must be logged in to view attached files.
    em resposta a: Aula sobre marés (Capítulo 10 Miguens) #12420
    fabio
    Mestre

    Filipe,

    Marés do Miguens foi integrado com Meteorologia. Voce vai encontrar lá esta parte da matéria.

    em resposta a: Tug ASD- modo direto #12376
    fabio
    Mestre

    A questão é sobre método direto e indireto. O rebocador da esquerda está atuando no médoto indireto, enquanto o da direita no método direto.

    em resposta a: Seleção dos Pontos de Apoio à Navegação Costeira #11719
    fabio
    Mestre

    Hugo,

    Vou dar um exemplo.

    Voce vem navegando na costa e plotando sua posição por marcação e distância do ponto 1. Em determinado momento o ponto 1 fica muito longe e voce vai passar a usar o ponto 2 que está mais próximo. Neste momento, voce marca sua posição a partir de 2, e marca novamente a partir de 1 para confirmar.

    Confirmado o “cruzamento” (melhor talvez seria usar a palavra coincidência) da posição tomada pelos 2 pontos, voce segue usando o novo ponto de referência que se mostrou confiável .

    Acho que foi isso que o autor quis dizer.

    em resposta a: aviso aos navegantes – folheto + radio #11464
    fabio
    Mestre

    Elder,

    Via de regra, nesse caso, como tratam-se de duas publicações da DHN, voce deve seguir a mais recente, que é o Folheto Quinzenal AN. O Miguens está desatualizado.

    fabio
    Mestre

    Prezado, a NORMAM 12 não fala nada sobre restrições quanto a esta patologia específica, portanto tudo depende de quanto ela afeta sua acuidade visual, e os limites de correção descritos na norma.

    Talvez seu oftalmologista possa te esclarecer melhor do que a própria DPC, se voce mostrar a norma pra ele.

    em resposta a: SMM #11198
    fabio
    Mestre

    Sim, voce interpretou corretamente. Aparentemente o autor do EROG esqueceu de grifar também o item especiais e gratuítos, passando a impressão de estes são dois itens e comercial seria um terceiro oferecido pela RENEC apenas, não fazendo parte do protocolo do SMM.

    em resposta a: msi e renec #11120
    fabio
    Mestre

    Sandro,

    O Brasil só tem DSC em HF, portanto as estações da RENEC não recebem DSC em VHF, o que significa que no Brasil não há área A1, somente área A3.

Visualizando 15 posts - 1 até 15 (de 700 do total)