Responder a: Ondas MF, HF e VHF

Home (concurso para prático) Fóruns Comunicações (EROG) Ondas MF, HF e VHF Responder a: Ondas MF, HF e VHF

#3279
pirata
Participante

Santosgus ta mais que certo ficar insistindo nas dúvidas que não estão claras! Espero que esse comentário te ajude a interpretação do assunto, fiz com base no meu entendimento na matéria:

No Miguens CAP 34, tem algumas informações sobre o assunto. Alguma coisa que achei foi na página 1233 e 1234:

“A energia eletromagnética, ao ser irradiada pela antena, propaga-se em todas as direções. Uma parte desta energia se propaga paralelamente à superfície da Terra, enquanto restante desloca-se para cima, até que se choca com a ionosfera e reflete-se de volta à terra. Esta onda refletida, quando alcança a superfície terrestre, reflete-se outra vez em direção às altas camadas da atmosfera, onde pode refletir-se de novo para a Terra, conforme mostrado na figura 34.11 (nessa figura, a onda celeste no 1 sofreu uma única reflexão, enquanto a onda celeste no 2 sofreu uma dupla reflexão). A parte da energia que segue a superfície da Terra denomina-se onda terrestre, as que são refletidas denominam-se ondas celestes ou ionosféricas. As ondas que se propagam em linha reta têm o nome de ondas diretas.”

Minha interpretação: O que define a onda é o como a onda se propaga: junto ao solo, refletindo-se na ionosfera ou diretamente entre antenas (terrestre/ celeste/ direta). Dai no EROG ele fala que uma frequencia é predominantemente terrestre, celeste ou direta. Ta mais e ai como eu sei qual é o principal meio de propagação de uma onda? Ai sim isso varia com a frequencia utilizada:

MF é predominantemente terrestre e nesse caso devido a maior frequencia sofre maior atenuação que as outras frequencias (VLF e LF).
HF, entendo eu, que o componente de onda terrestre já esta tão fraco que a propagação por onda terrestre é quase inexistente (devido a alta frequencia), mas com essa frequencia mais elevada já é possível ocorrer a reflexão das ondas em camadas da ionosfera.
VHF, a frequencia é tão alta que “passa reto” pela camada ionosférica, não havendo a a reflexão (ondas celestes). Portanto, devido a atenuação das ondas terrestres e a falta de reflexão na ionosfera, só é possível a comunicação por ondas diretas e nesse caso o alcance é reduzido, pois é preciso que as duas antenas estejam uma a vista da outra.