fbpx

Divergência entre TUP x Rebocador Portuário- Sobre Rebocador de Propulsão Mista

Home (concurso para prático) Fóruns Rebocadores Portuários (Tug Use in Port) Divergência entre TUP x Rebocador Portuário- Sobre Rebocador de Propulsão Mista

Visualizando 2 respostas da discussão
  • Autor
    Posts
    • #2550
      elton
      Participante

      Bom dia Fábio,

      – No livro rebocadores portuários na pág:18 e 19
      Na figura.1.8 diz que “Rebocador de Propulsão Mista” ==> Propulsão principal convencional e propulsor azimutal na proa para aumentar a manobrabilidade.

      – No tug use in port na pagina 19 ele diz ==> “By Installing a conventional single screw tug with a 360° steerable Bow Thruster, also called azimuth bow thruster” . Tugs equipped with such a bow thruster are the so-called “Combi-Tugs”.

      O que eu conclui foi que no Rebocador Portuário ele simplesmente diz: rebocador com propulsão convencional + azimutal na Proa e neste caso ( ele não diz que tem que ser de 1 hélice deixando margem para interpretar que não depende do números de hélices) sendo assim tanto um rebocador de 1 de 2 ou mais hélices com propulsão convencional com Azimutal na Proa é um Rebocador combinado.

      No TUG use in Port: ele especifica que é um rebocador de 1 hélice + azimutal na proa (dando margem a entender que somente quando for de 1 hélice será combi tug).

      Com isso em mente Se cair um afirmação assim: “Um rebocador combinado É UM rebocador com 2 hélices + propulsão azimutal a Vante ( de acordo com Rebocador Portuário e De acordo com TUG use) quais respostas que você acha que seria as corretas?

      Ou uma afirmação desse tipo: “Um rebocador combinado pode ser um rebocador com 2 hélices + propulsão azimutal a Vante ( de acordo com Rebocador Portuário e De acordo com TUG use) quais respostas que você acha que seria as corretas?

      • Este tópico foi modificado 6 anos, 2 meses atrás por elton.
    • #2553

      Elton,

      Na minha visão, NADA impede um combi tug de de possuir 2 hélices. Entretanto, não é o senso comum, pois o objetivo do azimuth bow thruster é sobrepor as deficiências do rebocador convencional single-screw (andar de lado, andar a ré, potência adicional, etc.). Um rebocador convencional de 2 hélices já faz muito disso sem ajuda externa!

      Mas, mesmo usando sua frase retirada do livro Tug Use in Port, é possível interpretar separadamente:

      1- “By Installing a conventional single screw tug with a 360° steerable Bow Thruster, also called azimuth bow thruster, these disadvantages can be overcome.”

      2- “Tugs equipped with such a bow thruster are the so-called Combi-Tugs”

      Veja que essa segunda frase funciona sozinha e fica mais genérica que a frase do “Rebocadores Portuários”.

      Bom, em termos de prova, o importante é entender os conceitos e buscar capturar o que o AVALIADOR que ouvir. Logo, veja qual bibliografia a pergunta se refere e exerça seu melhor julgamento. Infelizmente, algumas vezes a resposta não é “binária”.

      Sds.

      Renato

    • #2558
      fabio
      Mestre

      Elton,

      Complementando, na prova eu arriscaria marcar que qualquer rebocador convencional (1 ou mais eixos) equipado com um bow thruster azimutal na proa é um Combi-Tug.

      Este tipo de rebocador não existe no Brasil, portanto não espere muita criatividade dos avaliadores.

      Fabio

Visualizando 2 respostas da discussão
  • Você deve fazer login para responder a este tópico.